Jessica Torres, da redação 

Manaus –  A primeira pergunta que vem na cabeça de todo cidadão de bem é: onde estão os governantes de Manaus? Enquanto a guerra entre às facções têm reinado, os moradores da cidade vivem encurralados em suas casas, amedrontados com a disputa  entre traficantes por territórios e pontos de venda de drogas. 

Na maioria das zonas de Manaus é possível ver pichado nas paredes a sigla da facção criminosa Comando Vermelho (CV), que por sua vez, conseguiu tomar os territórios da facção rival Família do Norte (FDN). 

Na segunda-feira (11) era possível ver o ‘poder’ do CV, horas e horas de fogos de artifício em todos os cantos da cidade de Manaus, enquanto a facção comemorava a tomada de território. Todos os dias são registrados vários homicídios. 

A guerra entre as facções está longe de acabar, ainda mais porque a FDN já prometeu contra-atacar e a única coisa que todos os Manauara querem saber é, como o sistema de segurança do Amazonas tem se preparado para enfrentar tudo isso.

Questionado pelo índice de violência em Manaus pelo ministro Sérgio Moro, o governador Wilson Lima disse que o Amazonas está preparado e que não há necessidade de intervenção de segurança nacional.