Ufam tem projetos para dinamizar economia do Amazonas - Portal CM7 - Notícias de Manaus e Amazonas
Manaus - Amazonas - 11:20
16 de Junho de 2019



Ufam tem projetos para dinamizar economia do Amazonas



Manuas – A Universidade Federal do Amazonas (Ufam) dispõe de um banco de projetos que podem efetivar resultados positivos para a economia do Estado, a exemplo do “Cunhatã Digital”, e o Bioindústria e Indústria 4.0, apresentados no último dia 6, pelo reitor Sylvio Puga e a professora doutora Tanara Lauschner, em reunião na Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (FIEAM). Diretora do Instituto de Computação (Icomp), a professora Tanara Lauschner coordena o projeto Cunhantã Digital, que busca atrair a participação feminina na área de Tecnologia da Informação (TI).

O reitor Sylvio Puga apresentou aos empresários um leque de projetos coordenados por pesquisadores da Ufam, dentre eles o de “Desenvolvimento de nano-e biomateriais aplicados nas áreas médica, ambiental, de fármacos e de cosméticos – Síntese e caracterização de microesferas poliméricas contendo nanopartículas inorgânicas (aplicações na área médica)”, coordenado por Karen Segala e, “Desenvolvimento de modelos computacionais para análise não linear geométrica de edifícios altos, considerando a interação entre núcleos estruturais e lajes”, que atende a área de engenharia civil, e é coordenado por Wagner Queiroz Silva.

“Os projetos existentes na Universidade são desconhecidos por muitos empresários. Precisamos buscar mais informações com quem entende e pode contribuir para a economia do nosso Estado. A universidade contém muitos projetos que podem atender a diversos ramos”, destacou Azevedo. Para acompanhar as mudanças da indústria com a 4ª Revolução Industrial, também chamada de Indústria 4.0, a Ufam oferece Programas de capacitação Smart Manufacturing (Chão de fábrica), Programa Sustentabilidade 4.0, Programa Internet para todos, além de contar com a parceria da Universidade do Porto para doutorado e mestrado em Indústria 4.0.

Deixe seu like:
Tags:,

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA