Isolado em família, para seguir as normas das autoridades de Saúde, o presidente do Centro da Indústria do Estado do Amazonas (Cieam), Wilson Périco, está trabalhando no formato virtual para não perder o contato com a sociedade e com seus pares.

“Em momentos diferentes como este levam a gente a buscar formas diferentes de nos relacionarmos também”, frisou Périco, em sua primeira publicação na conta no Instagram recém-criada, neste sábado, 21.

Por meio da rede social, o presidente fez um apelo para que todos que podem permaneçam recolhidos em casa e compartilhou as principais ações do Conselho da entidade e pediu que o governo federal aplique na região, no combate aos estragos do coronavírus, os recursos que a indústria recolhe para a Suframa em formas de taxas mensais.

“Estamos tratando de ações junto ao governo federal. Por exemplo, as verbas da Suframa devem ser utilizadas no momento para a compra de insumos, respiradores, álcool e tudo aquilo que for necessário para garantir a saúde do nosso povo”, declarou.

Confira a declaração: