Manaus – Uma estudante de jornalismo de 18 anos foi agredida com um tapa no rosto por um policial militar na tarde terça-feira (06). A agressão ocorreu na praça de um Prosamim, localizado na rua Ipixuna no Centro de Manaus. Algumas pessoas que presenciaram a abordagem filmaram a ação dos PMS.

O vídeo mostra dois policiais militares, um deles mexe em um aparelho celular, enquanto o outro parece segurar o Braço da jovem que está acompanhada de um amigo. Quem filma a abordagem, sugere que a estudante estaria fumando maconha e que por isso foi abordada. Em outro trecho do vídeo, um dos policiais agride a jovem com um tapa no rosto, que faz com que a estudante caia do banco da praça. Veja:

Segundo a vítima, ela e o amigo estavam na praça porque moram nas proximidades. Ainda de acordo com a jovem, um dos policiais a viu usando o celular e pensou que ela estava filmando as abordagens que os PMs estavam fazendo na praça, procurando por usuários de drogas. Por isso, ele foi até lá e pediu para verificar o celular dela, depois de um tempo a estudante pediu o celular de volta, o que teria irritado o PM.

Os policiais que aparecem nas imagens atuam na 24ª Companhia Interativa Comunitária (CICOM). Depois da agressão, os dois deixaram a praça e ninguém foi preso.

A PM emitiu uma nota a respeito do assunto: “Informamos que a Diretoria de Justiça e Disciplina (DJD) da PMAM está acompanhando o caso e será instaurado Inquérito Policial Militar para analisar a conduta dos policiais. Ressaltamos que os envolvidos serão afastados de suas atividades operacionais até a conclusão do processo. Todos os elementos apresentados durante a ação investigatória serão apurados da forma transparente que o caso requer, respeitando o direito ao contraditório e à ampla defesa .A Polícia Militar não compactua com abusos, excessos e comportamentos que contrariem a lei e a ordem. A Corporação preza sempre pelo bem comum, com o dever de servir, proteger e preservar os direitos individuais e coletivos.”
Fonte 24 policia