Manaus – O deputado Estadual Augusto Ferraz (DEM), é conhecido entre os parlamentares e apoiadores por diversas polêmicas que carrega nas costas.

Em 2018, uma olhada “desrespeitosa” do deputado, gerou um grande barraco em uma feira de Manaus.

A mulher do deputado Augusto Ferraz saiu aos tapas com uma jovem que é filha dos donos de uma banca de café, localizada no bairro do Parque Dez de Novembro, Zona Centro-Sul de Manaus.

Segundo testemunhas, a mulher de Ferraz foi quem começou a briga, ao xingar a jovem por ela estar com um short muito curto e atraindo olhares do deputado. A jovem não gostou do xingamento e partiu para cima da mulher do deputado. As duas então trocaram tapas.

O caso acabou no 12º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Ainda em 2018, o deputado ficou com o segundo lugar entre os deputados mais faltosos da Assembleia Legislativa (Aleam). Augusto Ferraz compareceu em apenas 75,4% das sessões plenárias e 78,1% das ordens do dia, os dados são referentes há 2017 , sendo que ao longo de todo o ano houve 126 sessões plenárias e 32 ordens do dia.

O deputado também foi acusado por uma ex-eleitora de assedio sexual. Nos prints, Augusto Ferraz estava se mostrava muito íntimo da moça que sempre o tratava com muito respeito.

A vítima assedia pelo deputado fez um poste de desabafo no facebook.

Como esquecer que o deputado foi notificado pela Amazonas Energia por furto de energia?

A empresa do deputado que na época era um deposito de materias de construção, localizado na avenida Margarita, bairro Nova Cidade, Zona Norte de Manaus, foi constatado pelos técnicos da Amazonas Energia que o local usava energia de forma irregular.

Veja os prints 

Agora a polêmica é que recebia propina de empresário de Transportes Escolar.

veja o vídeo que o Empresário de Iranduba fala dos deputados que estão envolvidos.