Prisão de cabos eleitorais de David Almeida no Jorge Teixeira é fake news

Por Almeida em 28 de novembro de 2020 às 15:06 | Atualizado 28 de novembro de 2020 às 15:13

Manaus (AM) – Na tarde deste sábado (28), viralizou nas redes sociais imagens onde diziam que cabos eleitorais do candidato a prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), teriam sido presos no bairro do Jorge Teixeira por estarem comprando votos. No entanto, essa notícia é mais uma Fake News do adversário.

O caso verdadeiro aconteceu em Caucaia, no Ceará, onde foi preso Miguel Amorim, que é irmão do atual prefeito e candidato a reeleição em segundo turno, Naumi Amorim (PSD).  Com Miguel foi apreendida uma grande quantidade de santinhos, adesivos e dinheiro.

Veja vídeo:

Confira a nota oficial da Polícia Civil do Amazonas sobre o caso:

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM) informa que não emitiu qualquer nota oficial confirmando prisão de suposto ou supostos cabos eleitorais de um candidato à prefeitura de Manaus. A informação de prisão não é verdadeira. Trata-se de uma notícia falsa. Em rápida pesquisa na internet é possível localizar a fotografia original, com números de outro candidato.

Deixe seu comentário