Brasil – O presidente Jair Bolsonaro determinou nesta quinta-feira (13), a criação de um departamento para tratar de politicas públicas de cães e gatos.

Bolsonaro anunciou a Coordenação Nacional de Proteção e Defesa Animal, por meio do decreto nº.10.455/2020.

“Esse foi um pedido do presidente. Nunca teve nada nesse sentido de defesa e proteção animal. É a pauta de proteção dos pets, cachorros, gatos. Vemos discussão disso todos os dias e não tinha na Esplanada quem cuidasse dessa pauta”, disse Ricardo Salles,  ministro do Meio Ambiente.

Ao realizar este pedido, o presidente cumpre a promessa que havia feito ao se eleger, em 2018.

O novo departamento deve tratar de procedimentos como castração, esterilização, microchipagem e registro de animais.