Amazonas – A ALE-AM (Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas), divulgou em seu site oficial, o valor total de gastos de deputados com a CEAP (Cota para Exercício da Atividade Parlamentar) do mês de janeiro deste ano. R$ 522,9 mil do dinheiro do contribuinte amazonense foi destinado apenas para bancar as despesas e ‘regalias’ dos deputados.

O parlamentar de oposição ao governo e que diz ser um ‘bom moço’, defensor da ética e da moral, o deputado estadual Wilker Barreto (Podemos), gastou sozinho a bagatela de R$ 32 mil apenas despesas pessoais, se tornando o parlamentar amazonense que mais gastou dentro da Assembleia Legislativa somente no mês de janeiro.

Desse valor total, Wilker gastou R$16 mil para contratação de consultorias de comunicação, jurídica e contábil. R$ 16,6 mil para produção de informativos para atividade parlamentar. Wilker recebe um salário que gira em torno de R$25 mil.

No site oficial da Assembleia, não consta nenhum projeto do deputado. Os gastos com despesas do parlamentar foram os mais altos dentro da casa, e a população amazonense não vê nenhum retorno do trabalho de Wilker. No ano de 2018, quando era vereador, o parlamentar só conseguiu aprovar 2 projetos de lei, o que comprova que Wilker Barreto mais gasta do que trabalha.