Manaus também terá investigação de lavagem de dinheiro, igual ao lava-jato! - Portal CM7
 
Manaus, 16 de dezembro 25 ºC Tempestades isoladas
Mercado financeiro
DólarR$ 3,308 -0,85%
EuroR$ 3,8734 -1,7%
 
 
Home / Últimas Notícias / Política / Manaus também terá investigação de lavagem de dinheiro, igual ao lava-jato!

Manaus também terá investigação de lavagem de dinheiro, igual ao lava-jato!

Da redação | 27/04/2016 21:15

O Ministério Público do Amazonas (MP-AM) vai instalar ainda neste primeiro semestre de 2016 um laboratório especializado em combate a corrupção e lavagem de dinheiro.

A estrutura é semelhante à que está sendo usada pela força tarefa da Operação Lava Jato, comparou o procurador-geral de Justiça do Estado, Fábio Monteiro, que no próximo dia 11 assinará, em Brasília, termo de cooperação técnica com o Ministério da Justiça, que subsidiará o aparato.

Segundo o procurador, os equipamentos vão ajudar muito o Gaeco, Grupo de Atuação Especial Regional para a Prevenção e Repressão ao Crime Organizado, que no ano passado pôs na prisão o ex-prefeito de Iranduba Xinaik Medeiros, secretários e três vereadores, entre eles o presidente da Câmara.

A montagem do laboratório de combate à lavagem de dinheiro não é a única medida que mostra que o Ministério Público está fechando o cerco contra a corrupção no Estado.

Há outra ação sendo realizada esta semana e que revela que a instituição deverá atuar nos moldes da força-tarefa da Lava Jato, envolvendo vários órgãos.

Isso porque nesta terça-feira, dia 26, o MP-AM iniciou um curso de combate à corrupção e lavagem de dinheiro com a participação de 120 pessoas, dentre as quais promotores de Justiça, procuradores da República, técnicos do Tribunal de Contas da União (TCU) e do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM).

O treinamento que se encerra na sexta-feira, dia 29, é ministrado por especialistas na área convidados para o evento.

Matéria do BNC – Newton Correa

{{post.date}}

 


Anuncie em Nossas Pesquisas
Anuncie em Nossas Pesquisas

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA