Josué Neto e Joana Darc participam da primeira feira de adoção de animais de Manacapuru - Portal CM7 - Notícias de Manaus e Amazonas
Manaus - Amazonas - 17:50
17 de Junho de 2019



Josué Neto e Joana Darc participam da primeira feira de adoção de animais de Manacapuru


“A Assembleia dará total apoio para as ações que visam a proteção de animais em nosso estado”, declarou o presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado Josué Neto (PSD), na manhã deste sábado (27), ao acompanhar a deputada Joana Darc (PR) na primeira feira de doação de animais da ONG Patinhas Carentes no município de Manacapuru (distante 99km de Manaus).

Para o presidente da Aleam o parlamento deu um grande passo em apoio das causas animais ao incluir nas competências da Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável a proteção de animais da fauna amazonense.

“Fico muito feliz em saber que a deputada Joana Darc está desempenhando com muito sucesso a presidência da Comissão de Meio Ambiente, Proteção aos Animais e Desenvolvimento Sustentável. E hoje estamos apoiando a primeira feirinha de adoção de animais em Manacapuru. A Assembleia dará total apoio nas ações que visam a proteção dos animais da nossa fauna, sejam os animais domésticos, sejam os livres na natureza. Nosso Estado tem 97% de cobertura vegetal e uma rica flora e fauna. Nosso trabalho é garantir essa preservação”, comentou Josue Neto.

De acordo com a deputada Joana Darc, a ONG Patinhas Carentes surgiu após uma ação promovida por ela que salvou mais de 60 cães abandonados no Ramal do Gasoduto na estrada Manoel Urbano (AM-070). Após serem cuidados, vermifugados, vacinados e castrados, os animais estão prontos para adoção.

“A feirinha é para a adoção dos animais que ainda restam do resgate que fizemos e também que foram resgatados das ruas do município. Com o apoio do presidente Josué Neto e dos parlamentares da Assembleia, temos certeza, que mais ações de protetores, como essa, se multiplicarão pelo Amazonas. Estamos a disposição de protetores de todo o Estado que precisem de ajuda da comissão para formalizar suas atividades e assim buscarem recursos para ajudar mais animais”, disse Joana Darc.

Deixe seu like:

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA