Brasil – O ex-deputado Jean Wyllys (PSOL) informou que um dos motivos que colaboraram para que ele tenha abandonado o mandato neste ano e saído do Brasil é que, ao seu ver, o presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), jamais o tratou como um adversário político, mas como inimigo.

Além disso, Wyllys disse que não se arrepende de ter cuspido no então deputado federal em 2016 na Câmara.