O ex-prefeito do município de humaitá (distante 591 quilômetros da capital), José Cidinei Lobo do Nascimento ou ‘Dedei Lobo’ como é conhecido por seus correligionários no município, tem 30 dias para devolver aos cofres públicos mais de meio milhão de reais. A condenação é referente ao exercício financeiro de 2016, quando ‘Lobo’ era prefeito e teve suas prestações de conta do referido ano reprovada pelo pleno do Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM).

A condenação foi publicada através de notificação nº 01/2020 no diário oficial da corte.

Confira a publicação;

A gestão de ‘Dedei Lobo’ é investigada pelo Ministério Público do Amazonas (MP-AM) por improbidade administrativa no exercício de 2013.