Escândalo: Ronaldo Tiradentes diz que presenciou Eduardo Braga com sede de vingança contra Wallace Souza - Portal CM7 - Notícias de Manaus e Amazonas
Manaus - Amazonas - 18:27
20 de Junho de 2019

Topo


Escândalo: Ronaldo Tiradentes diz que presenciou Eduardo Braga com sede de vingança contra Wallace Souza



Manaus – Na manhã desta quinta-feira (30), véspera do lançamento da série “Bandidos na TV”, que vai ao ar amanhã, sexta-feira (31) na plataforma de streaming Netflix, o jornalista Ronaldo Tiradentes, em seu programa “Manhã de Notícias” trouxe a tona um e-mail que recebeu da produtora Caravan, que produziu o documentário para a Netflix.

No e-mail constava a informação de que o trecho da participação de Ronaldo, gravada em Manaus para a produtora, não iria ao ar, devido a complexidade do caso, o que fez não ter tempo suficiente para incluir todas as entrevistas na série documental.

Ronaldo Tiradentes, que já havia dito que caso não fosse ao ar, falaria em seu programa ao vivo, o que disse no documentário. “Eu não tinha amizade intima com Wallace Souza, eu tinha uma amizade como tenho com todos os colegas de jornalismo. Um relacionamento cordial. Portanto, não me acrescenta em nada fazer uma defesa do Wallace, que ja está até morto. Mas tenho compromisso com minha consciência.”

Ronaldo acrescenta que em sua entrevista contou um episódio que ele mesmo testemunhou, que envolve o Senador Eduardo Braga (MDB) durante a eleição para prefeitura de Manaus, em 2008, onde Amazonino, junto de Carlos Souza, irmão do ex-deputado Wallace Souza, ganharam as eleições.

“Eu testemunhei um episódio que acho que ajuda um pouco a compreender esse enredo. Foi em 2008. Era algo entre Agosto ou Setembro de 2008. A campanha eleitoral para prefeito estava em pleno curso. De um lado Amazonino, candidato a prefeito com o vice Carlos Souza, de outro, Serafim Correa candidato a reeleição.”

Ronaldo prossegue com seu testemunho: “Em determinado dia, o Eduardo Braga, deu-nos uma entrevista, e após a entrevista, ele foi na minha sala, e ele começou a se queixar de Amazonino Mendes. Ele disse assim: ‘Ronaldo, ontem no comício la no Novo Israel, o Wallace Souza fez um discurso e me chamou de corrupto, em cima do palanque, e o Amazonino deixou batido e não falou nada!’”

Ronaldo afirma ainda que “Eduardo estava magoado e “p” da vida com Amazonino por ter permitido isso e com Wallace por ter o chamado de corrupto.” e após isso, Eduardo emendou “ele (Wallace Souza) não perde por esperar!”

O jornalista, ao vivo, concluiu seu testemunho: “quem conhece o Eduardo Braga sabe, ele é uma pessoa extremamente vingativa. Estou contando o que eu assisti, um depoimento feito em minha sala. E a partir desse momento, desse dia, o que se viu foi uma intensa ação do governo contra a família Souza.”

“JUNTOU A FOME COM A VONTADE DE COMER”

Ronaldo disparou ainda contra a delegada que conduziu a força-tarefa do Caso Wallace, Cristina Portugal, e questiona: “Você sabe quem é Cristina Portugal?”

“Cristina Portugal era uma comissária de polícia e através de um decreto do Governador da época, Eduardo Braga, virou delegada de polícia. Aí, Wallace Souza, como Deputado, entrou com uma ADIN (Ação Direta de Inconstitucionalidade) questionando a lei do Governo Braga, o que fez todos os delegados voltarem a ser comissários.”

Ronaldo conclui, afirmando que “de um lado tinha um Governador tinha uma má-vontade com Wallace, e do outro, uma delegada extremamente ofendida, com desejo de retaliar. Eu acho que em certo momento, o Eduardo usou a máquina de governo como objeto de vingança, pra fazer um inquérito com uma delegada que ja tinha uma indisposição com Wallace. Aí juntou a fome com a vontade de comer.”

Você pode assistir a edição do Manhã de Notícias com o testemunho de Ronaldo Tiradentes, da Tv Tiradentes completo clicando aqui.

Deixe seu like:

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA