Amazonas – Mais de 300 famílias de agricultores do ramal do Tumbira, no município de Rio Preto da Eva (a 79 km), foram beneficiadas por uma Emenda Impositiva do deputado Adjuto Afonso (PDT), ainda de 2019. No último final de semana, o parlamentar esteve no local para participar da entrega de maquinários e equipamentos de uso exclusivo do setor primário, segmento que move a economia do local.

“Vocês não imaginam a minha alegria em estar aqui, participando dessa entrega de implementos, que foi através de uma Emenda, solicitada pelo vereador do município Adanilo Marinho (PDT). Atendi com muito gosto, porque sei o quanto é importante para a população esse apoio que nós podemos conceder como deputado. Sempre defendi o setor primário, nós temos uma economia muito concentrada em Manaus e a gente precisa fazer com que essa economia chegue aos demais municípios”, disse o parlamentar.

Ao todo, 10 comunidades foram contempladas com a divisão de maquinários e equipamentos que vão dar impulso na agricultura daquela região. Foram 7 motocultivadores, 7 enxadas rotativas, 7 carrocinhas, 14 roçadeiras, 10 perfuradores de solo, 2 trituradores de grão e 1 misturador de ração.

Cacielzio Queiroz, agricultor, líder da comunidade Nova Vitória, uma das contempladas, falou sobre o que representa a utilização de novas tecnologias no trabalho diário dos agricultores.

“Essa ação do deputado representa para nós, comunitários, como se fosse o descobrimento da energia. Nós pagamos para cavar, para botar uma estaca, R$ 3,00 ou R$ 4,00 por cada serviço, e ainda para plantar um filhote de banana. O produtor trabalhando assim chega a fazer 30 buracos ao dia, mas, com o perfurador de solo, ele chega a fazer 350 buracos ao dia, então já ganhou no tempo, na renda e no esforço físico. Ganhamos equipamentos que vão nos ajudar a trabalhar com a lavoura e eu não sei nem dizer o tamanho dessa grandeza que nós estamos recebendo”, disse o agricultor rural.

O vereador Adanilo Marinho, que levou a demanda ao deputado Adjuto Afonso e acompanhou o processo, destaca a importância de incentivar a produção rural, tendo em vista que o Rio Preto da Eva é eminentemente agrícola. “Essas ferramentas representam melhorias no desenvolvimento da produção rural da nossa cidade, principalmente no setor primário, na zona rural. O nosso produtor que ainda trabalha na enxada, vai aderir às novas tecnologias,” ressalta.

O município, que está na expectativa de implantação de um Distrito Agroindustrial, já sai na frente com ferramentas que darão celeridade ao processo produtivo da agricultura em geral.

Participaram, ainda, da solenidade de entrega, o prefeito Anderson Souza (Pros), o vice, Neto do Baixo Rio (PSDB), o gerente local do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam), José Maria Frade, secretários municipais e líderes comunitários.