Caio Coppolla: “Eu acho o Datafolha tão confiável quanto a honestidade do Lula”

Por Alexandre em 18 de maio de 2021 às 20:51 | Atualizado 18 de maio de 2021 às 20:51

O comentarista político Caio Coppolla expôs em um vídeo as ‘artimanhas’ das últimas pesquisas eleitorais que apontaram a vantagem do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre Jair Bolsonaro nas eleições de 2022. Recentemente, o Instituto Paraná colocou Lula páreo a páreo com Bolsonaro, já o Datafolha deu a vitória com folga do petista.

Para Coppolla, trata-se de uma “profecia autorrealizável”, uma vez que as pesquisas criam uma realidade em que Lula se torna “imbatível” e, por consequência, desestimula eleitores a tentarem impedir a reeleição do petista.

– Ao criar uma realidade fictícia, onde Lula é imbatível em qualquer cenário, o grupo Folha influencia o resultado da eleição a favor do candidato petista – alerta.

E Coppolla explica.

– [O grupo Folha] faz isso de 3 formas: Primeira: quanto melhor o Lula aparecer nas pesquisas, mais alianças políticas ele consegue forjar. Segunda: quanto maior for a sua base partidária de apoio, maior a quantidade de verbas públicas dos fundos partidário e eleitoral dedicados a promover o seu nome e maior vai ser o seu tempo de TV na propaganda eleitoral. E terceira: quanto maior a aparência de sucesso da campanha petista nas pesquisas de opinião, mais pessoas tendem a aderir à sua candidatura – esmiuçou o comentarista.

Deixe seu comentário