Bolsonaro encaminhou à CGU operações do BNDES que beneficiaram Cuba e Venezuela no valor de R$ 30 bilhões

Por Thiago Quara em 6 de agosto de 2021 às 10:03 | Atualizado 6 de agosto de 2021 às 10:03

Brasil – O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou nesta sexta-feira, (6), que recebeu o relatório do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) com todas as operações realizadas pelos governos do PT e vai encaminhá-lo para a CGU (Controladoria-Geral da União). Segundo disse ele à Rádio 93 FM, do Rio de Janeiro, o montante soma R$ 30 bilhões.

“Não houve nenhum controle desses empréstimos, que beneficiaram Cuba, Venezuela, dentre outros”, declarou o chefe do Executivo. Em críticas aos governos petistas, Bolsonaro acusou a ex-presidente Dilma Rousseff de despachar no Palácio ouvindo inteligências da Venezuela e de Cuba. “Não tem qualquer controle”, pontuou.