Manaus – O candidato da coligação “Trabalho bom merece continuar”, Alfredo Nascimento (PL) e sua vice, Conceição Sampaio (PSDB), darão destaque, no horário de propaganda eleitoral desta quarta-feira, 28, para a importância dos servidores públicos, no dia a eles dedicado. Alfredo e Conceição entendem que um prefeito e vice são eleitos com o principal objetivo de servir à população.

“Sempre tive respeito e admiração pelos funcionários públicos, procurando valorizar o trabalho que eles executam, independentemente da área de atuação. Em minha administração, criei as condições para que os professores da rede municipal pudessem ingressar na faculdade ou cursar uma pós-graduação. E eles também passaram a ter um plano de cargos, carreiras e salários e, assim como os médicos do programa Médico da Família, tinham os melhores salários do país em suas categorias”, lembrou.

Alfredo e Conceição apostam em um projeto de gestão eficiente, baseado na valorização dos servidores, incluindo a reestruturação do serviço médico prestado pelo Manausmed e a realização de concurso público para aproximadamente 3.800 vagas, sendo 1.200 para a Guarda Municipal e 2.600 para a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa). “Vamos reforçar um ‘time’ que já é muito competente para servirmos cada vez melhor a população”, afirmou o candidato.

Alfredo aproveitou o dia do Servidor Público para se solidarizar com os funcionários da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e de outros órgãos da Prefeitura de Manaus que tiveram atuação direta na adequação da estrutura do Centro Integrado Municipal de Educação, às vésperas de ser inaugurado, para que pudesse funcionar como um hospital de campanha.

“São homens e mulheres que se dedicaram, se empenharam para que a estrutura ficasse pronta o mais rápido possível, para receber os pacientes, acometidos pela Covid-19, com o propósito único de cuidar das pessoas e salvar vidas. É lamentável que sejam injustiçados com a falta de reconhecimento por parte de quem quer tomar para si esse mérito. Triste ver um candidato basear uma campanha em mentiras, menosprezando a importância desses servidores”, finalizou.