Manaus 27º
quarta-feira - 4 de maio de 2022

Vulgo “Naldo”, citado em áudio de traficantes organizando ‘churrasco’ pela morte de PM, é executado; veja vídeo

Compartilhe
Vulgo "Tio Naldo", citado em áudio de traficantes comemorando morte de PM, é encontrado morto; ouça áudio

Manaus (AM) – Um homem, conhecido por “Tio Naldo” foi executado na tarde desta quarta-feira (4), na rua Praia de Copacabana, no bairro Ponta Negra, Zona Oeste de Manaus. O homem é citado por criminosos envolvidos na chacina ocorrido em Praia Grande, onde o policial militar Isaías Filho foi torturado e morto.

Em um áudio vazado, membros de facção criminosa citam que “Tio Naldo” teria comprado foguete, carne e cerveja para comemorar a morte do cabo Isaías Filho, de 38 anos. Além de “Naldo”, vulgo “Leo” também é citado no áudio. Escute:

Caçada a vulgo “Feroz”

As forças policiais do Estado do Amazonas realizam uma verdadeira caçada atrás do principal suspeito de participar da chacina na rua do Praia do Forte, na comunidade Parque Riachuelo, no bairrro Tarumã, Zona Oeste de Manaus. A chacina ocorreu na terça-feira (3), próximo ao local da tortura e morte do policial Militar Isaías Filho.

Vulgo “Feroz” é apontado pela polícia como um dos líderes da facção criminosa Comando Vermelho (CV), e seria chefe do tráfico na área do bairro Tarumã. Os policiais consideram o suspeito como “sangue frio e de alta periculosidade”, de acordo com uma fonte que não quis se identificar.

De acordo com pistas passadas à polícia, o suspeito pode estar escondido no buritizal do Parque São Pedro. “Ele passou por aqui dizendo que tinha matado um policial”, disse um morador que preferiu não se identificar. Outro local indicado é o rip-rap da comunidade Campos Sales.

Terça-feira sangrenta

Jadeson, Railander Soares e André Sá foram mortos na tarde de ontem (3), na Praia do Forte. De acordo com informações, os criminosos chegaram ao  local em dois carros, invadiram a casa onde estavam as vítimas  e os mataram com vários tiros. Jadeson e Railander morreram na hora, já André ainda chegou a ser socorrido e encaminhado para a UPA Campos Salles, mas não resistiu aos ferimentos.

Próximo ao local onde foram encontrados os corpos, a polícia também apreendeu drogas em quantidade suficiente para considerar tráfico, aproximadamente 7 kg de drogas. Até o momento não há informações sobre a motivação da chacina, que será investigada pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Policial morto

O cabo da Polícia Militar, identificado como Isaías Filho, foi assassinado a tiros dentro da sua própria casa na rua Praia do Forte, localizado no Parque Riachuelo, zona Oeste de Manaus. O Comandante da PM sobre a morte do cabo Isaias Filho

O Comandante-Geral da Polícia Militar do Amazonas (PMAM), Coronel PM Marcus Vinícius Oliveira de Almeida, ao ser questionado pelo Portal e Tv CM7 Brasil, em relação a morte do cabo da Polícia Militar, Isaías Filho, 38, assassinado a tiros dentro da sua própria no bairro Parque Riachuelo, disse: “Quero me dirigir aos policiais militares, todo nós iremos a caça, esse crime não vai ficar impune, eu pessoalmente estarei a frente da tropa, quem cometeu esse crime tem duas opções, ou vem em pé ou deitado”, disse comandante.

Deixe seu comentário