‘Vampiro do Itapoã’ é preso suspeito de matar e beber sangue do vizinho - Portal CM7 - Notícias de Manaus e Amazonas



‘Vampiro do Itapoã’ é preso suspeito de matar e beber sangue do vizinho


O suspeito foi detido nesta quarta-feira (15/5), por agentes da 6ª DP. Ele assassinou a vítima porque ela não terminou um serviço já pago pelo acusado

A polícia prendeu, nesta quarta-feira (15/5), o homem acusado de matar o vizinho e beber o sangue dele, no Itapoã. O “Vampiro do Itapoã”, de 24 anos, teria assassinado Heraldo José de Carvalho, 43, em decorrência de um serviço não finalizado pela vítima. Após o crime bárbaro, o suspeito jogou o corpo em uma manilha de esgoto, localizada próxima à Quadra 378 da região administrativa. A mulher de Heraldo soube do homicídio por uma testemunha, na segunda-feira (13), mesmo dia que ela procurou a 6ª Delegacia de Polícia (Paranoá).

Conforme informações da investigação, o Vampiro do Itapoã contratou Heraldo para instalar uma cerca. O pagamento dado foi duas pedras de crack, as quais foram consumidas pela vítima. No entanto, o homem não realizou o serviço, o que irritou o suspeito. O jovem chamou outras duas pessoas para finalizar a obra e, depois, decidiu matar o vizinho. Eles moravam em uma invasão no Itapoã.

O vampiro e os dois homens que colocaram a cerca teriam cometido o crime em conjunto. A testemunha responsável por trazer o caso à tona também teria ajudado, mas alega que sob ameaça dos acusados. O trio teria cortado o braço dela, a fim de intimidá-la e mantê-la calada. No entanto, não foi o suficiente. Arrependida, a pessoa buscou a mulher da vítima.

O cadáver de Heraldo foi localizado na terça-feira (14), com marcas de pancadas na cabeça. O Corpo de Bombeiros auxiliou na ocorrência. Não foi possível indicar qual arma os criminosos utilizavam, nem como o homem foi morto. Estas lacunas em aberto serão resolvidas após o laudo pericial, que deve sair em até 30 dias.

A informação dada pela testemunha sobre o vampiro ter bebido o sangue da vítima se tornou sólida após agentes irem até a casa do acusado. Lá, encontraram vísceras e restos de animais. Conhecidos do suspeito também confirmaram que ele consumia sangue de bichos como gatos, cachorros e codornas.

Deixe seu like:

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA

TV CM7 Rádio CM7 Contato