Manaus –  O corpo de uma mulher identificada como Queisiane Cardoso Braz, de 35 anos, foi encontrado na tarde desta quarta-feira (28), em uma casa no Nova Vitória, Zona Leste de Manaus. Ela estava desaparecida desde a última sexta-feira (23). A mulher apresentava sinais de tortura e foi encontrada com os pés e mãos amarradas.

De acordo com informações de policiais da 4ª Companhia Interativa comunitária (Cicom), a vítima foi encontrada com parte do corpo dentro de um saco plástico amarrado com corda, e com as mãos amarradas para trás. O corpo já estava em estado de decomposição.

Segundo Maria Eliana Cardoso, mãe de Queisiane, no dia em que desapareceu, por volta das 2h, a mulher saiu da casa onde mora, situada na rua Hibisco, no Nova Vitória e não informou para onde iria.

Da última vez em que foi vista, Queisiane estava em um bar na região da residência dela, acompanhada de um homem ainda não identificado. Desde então os familiares não tiveram mais notícias sobre ela.

O Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) foi acionado para o local, pois o cadáver foi encontrado em um local de difícil acesso. O Instituto Médico Legal fez a remoção do corpo. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) investigará o caso.

Veja vídeo