Manaus – Um pequeno motim fez com que a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) cancelasse as visitas aos detentos dos pavilhões G6 e G7 da Unidade Prisional do Puraquequara (UPP) neste sábado (4), em Manaus.

Princípio de motim

De acordo com Seap alguns internos se recusaram a obedecer aos procedimentos operacionais da unidade. E o Grupo de Intervenção Penitenciária (GIP) foi acionado para conter um princípio de movimentação. A secretaria informou ainda que as visitas seguem normal para os outros pavilhões, sendo eles G1, G2, G5. Não há detalhes sobre os motivos para o início do motim entre os detentos.

Fonte: Portal Marcos Santos