Manaus – Quatro pessoas com idades de 21, 26, 23 e 29 anos procuraram a Delegacia Especializada em Proteção a Criança e ao Adolescente (DEPCA), na tarde de sexta-feira (24) para denunciar um pastor de 48 anos, da Igreja Aliança Evangélica no bairro Santo Antônio, zona Oeste de Manaus.

De acordo com a denúncia, o pastor teria estuprado mais de quinze pessoas, entre crianças e adolescente. Os crimes teriam ocorrido em 2006 e 2017.

Os denunciantes disseram em depoimento que os abusos ocorriam dentro da igreja e na casa do pastor.

A DEPCA solicitou exame de coito anal nas vítimas e as encaminhou para o Instituto Médico Legal (IML). O caso será investigado.