Meningite - Topo Postagem

Padrasto é preso após matar enteado com deficiência mental

Um homem foi preso após o homicídio de seu enteado, na tarde de quarta-feira (26), no bairro de Vila Industrial, em São Paulo.

De acordo com a Polícia Civil de São Paulo, o crime ocorreu na terça-feira (25). O padrasto, teria trancado a mãe do adolescente, e outros dois filhos num quarto. A vítima foi levada para outro cômodo, onde ocorreram as agressões.

O adolescente de 14 anos foi socorrido ao pronto-socorro da região, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. A primeira informação dava conta que a vítima havia apanhado de populares numa rua do bairro.

Segundo relatos, o padrasto não gostava do enteado, que era portador de deficiência mental. Além disso, há informações de que o investigado era extremamente agressivo com os enteados, e não foi a primeira vez que ele bateu no adolescente.

Por causa do problema, o pai da vítima obteve a guarda provisória, no começo deste ano. O adolescente passava férias com a mãe.

A prisão foi efetuada por policiais civis da Delegacia de Polícia de Defesa da Mulher de São José dos Campos (Deinter 1). As investigações continuam para esclarecer a possível omissão ou participação da mãe nas agressões.

Com informações- Notícias ao Minuto

ver mais notícias