Manaus 35º
sexta-feira - 29 de abril de 2022

Operação “Justa Causa” prende grupo que desviava mercadorias da empresa Apa Móveis; veja vídeo

Compartilhe
Operação "Justa Causa" prende grupo que desviava mercadorias da empresa Apa Móveis; veja vídeo

Manaus -A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio do 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP), deflagrou, nesta sexta-feira (29/04), a Operação Justa Causa, que resultou na prisão de Carlos Leonardo Barreto, Cleiton Silva de Souza, Damian Jesus Salas Lara, Eliseu Corrêa de Souza, Janderson Silva de Souza e William Valverde Ângulo, de idades não identificadas, pelo crime de furto qualificado praticado contra uma empresa do ramo de móveis e eletrodomésticos, da qual eram funcionários.

O delegado-geral adjunto da PC-AM, Bruno Fraga, parabenizou as equipes pelo trabalho exercido e ressaltou também que quem tiver conhecimento acerca destas práticas criminosas, deve comparecer à unidade policial mais próxima, para relatar os fatos, a fim de que a polícia consiga reprimir esses atos.

“A PC-AM está sempre vigilante para combater a criminalidade e proteger o bem-estar da população. Essa é a nossa missão”, falou o delegado.

De  acordo com o delegado Aldeney Goes, titular da unidade policial, os indivíduos eram funcionários de uma empresa do ramo de móveis e eletrodomésticos e desviavam os produtos comercializados na loja, para obter lucros financeiros com a prática criminosa.

“Em março deste ano, nós tomamos conhecimento acerca destes crimes e começamos a apurar. Constatamos que eles desviavam os produtos no momento em que iam entregá-los nas casas dos clientes e, posteriormente, vendiam os objetos em sites de compra e venda. Com essa prática, eles conseguiram adquirir cerca de R$ 250 mil”, detalhou Aldeney Goes.
O titular relatou ainda que, dentre os bens subtraídos pelos infratores, estão três roupeiros, uma geladeira, um televisor de 43 polegadas e uma lavadora de roupas.

“As investigações devem continuar para apurar outras circunstâncias do ato criminoso”, afirmou o delegado.

Procedimentos – Todos irão responder por furto qualificado e associação criminosa e ficarão à disposição do Poder Judiciário.

Vitória Supermercados
Deixe seu comentário