Brasil – Uma mulher de 52 anos morreu nesta quinta-feira (13) após ser estuprada na saída de uma festa para a terceira idade em Itarema, no litoral oeste do Ceará. O crime ocorreu na noite do dia 12 de janeiro, quando a vítima saía da festa e decidiu pegar carona com um homem que fingia trabalhar como mototaxista. Além do estupro, Maria Zuila Pereira foi agredida.

De acordo com a polícia, ao pegar carona com o homem, Maria Zuila foi levada para uma casa abandonada no Centro de Itarema, onde foi abusada sexualmente. Após o ato, o suspeito de cometer o crime fugiu e abandonou a mulher em um matagal. O suspeito segue foragido.

No dia seguinte ao crime, ela foi socorrida por moradores da região e levada a um hospital em Sobral, onde recebeu atendimento médico e ficou internado por uma semana. Ela chegou à unidade hospital com sangramento e marcas de agressão.

fonte: Mceará