Manaus – Mateus Mutimo Moraes, de 22 anos, que confessou autoria do latrocínio (roubo seguido de morte) de Jabson Franco da Costa, 34, estagiário do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), foi assassinado a tiros na noite de sexta-feira (23), durante uma tentativa de assalto em um mercadinho, na avenida Tefé, no bairro Raiz, na zona Sul da capital.

Segundo informações repassadas por uma testemunha, Mateus e um comparsa ainda não identificado, foram até o mercadinho Boa Vista para assaltar. Durante a ação, um homem misterioso que usava uma mascara de caveira atirou contra ele. O comparsa conseguiu fugir.

Mateus tinha várias passagens pela polícia e uma delas pelo latrocínio de Jabson Franco da Costa, 34, estagiário do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), morto no dia no dia 31 de julho do ano passado.

De acordo com a polícia, Mateus e um comparsa, ainda não identificado, foram até o mercadinho Boa Vista para assaltar. Durante a ação, o desconhecido atirou contra ele. A vítima ainda foi levada com vida para o pronto socorro Dr. João Lúcio, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

 

Fonte: Portal da Capital AM