Durante rondas nos bairros da capital amazonense, a Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), por meio da Secretaria Executiva Adjunta de Operações (Seaop), prendeu na noite do último sábado (08/12) Marlys Aparecida Corrêa da Silva, de 20 anos de idade, pelo crime de tráfico de drogas. O fato ocorreu no bairro Vila da Prata, zona oeste de Manaus.

A prisão da mulher é decorrente de denúncia anônima, ao (92) 99345-2848, linha direta da Seaop. “Após recebermos a denúncia, deslocamos até o endereço informado e foi constatada movimentação suspeita. Efetuamos a abordagem e encontramos 500 gramas de droga e balança de precisão”, disse o secretário executivo adjunto de Operações, e delegado da Polícia Civil Guilherme Torres.

Segundo o coordenador geral de Operações, delegado da Polícia Civil, Demetrius Queiroz, as equipes da Seaop estão, com frequência, em saturação nas áreas de maior índice de violência da cidade. “Nosso objetivo é presença constante da polícia. Além do tráfico, inibe-se, também, os homicídios e disputas territoriais das facções criminosas que atuam nessa área”, disse o coordenador.

Após a voz de prisão pelo crime de tráfico de drogas, a mulher foi encaminhada ao 19° Distrito Integrado de Polícia (19°DIP), no Santo Agostinho, para a realização dos procedimentos cabíveis.

De acordo com o secretário de Estado de Segurança Pública, coronel da Polícia Militar do Amazonas Amadeu Soares, o número de denúncias anônimas feitas pela população amazonense cresceu em 51% e isso tem ajudado a polícia a atacar o tráfico de drogas e outros crimes nos bairros. Até novembro, o disque denúncia 181 recebeu mais de 10 mil denúncias. “A população tem ajudado muito a polícia denunciando via 181 ou pelos números da Seaop e as linhas diretas da polícia militar. É com esse trabalho integrado que conseguimos retirar dos bairros esses indivíduos que insistem em permanecer na criminalidade”, afirmou.