Manaus – Uma semana depois de deixar o Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), o detento do semiaberto Idevan de Souza Albuquerque, de 24 anos, sofreu uma tentativa de homicídio no final da tarde desta quarta-feira (12). O crime aconteceu na na rua 38, na comunidade Mutirão, Zona Norte de Manaus, e os atiradores deram um recado, em tom de ameaça, à vítima.

Conforme a polícia, Idevan responde processo pelos crimes de tráfico de drogas e homicídio. Ele foi surpreendido por uma dupla que estava em uma moto. O detento foi atingido com um tiro na perna direita.

Ele foi socorrido pelo Samu e levado ao Hospital Platão Araújo, na Zona Leste. Na unidade de saúde, o detento ainda relatou aos policiais que os pistoleiros deixaram um aviso.

“Eles não me querem mais naquela área do Mutirão”, contou a vítima.

Idevan deve passar por procedimentos cirúrgico e não corre risco de morte. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil.