Polícia Federal (PF), em conjunto com o Ministério Público de São Paulo (MPSP), realiza a Operação Paralelo 23, na manhã desta terça-feira (21/7), a terceira fase da Operação Lava Jato Eleitoral. Um dos alvos é José Serra, suspeito de participação em esquema de caixa dois na campanha ao Senado Federal em 2014.

São cumpridos quatro mandados de prisão temporária e 15 de busca e apreensão em Brasília, São Paulo e Itu, além do bloqueio judicial de contas bancárias dos investigados, determinados pela 1ª Zona Eleitoral de São Paulo.

Na capital federal, as buscas são realizadas no gabinete do senador e no apartamento funcional dele. Outro alvo da operação é o empresário e fundador da Qualicorp, José Seripieri Junior