Manaus – Uma jovem foi morta na noite de sexta-feira (24), na rua Luis Antony, no Centro da capital amazonense. Segundo a Polícia Militar, a vítima fazia programa na frente do clube Rêmulos localizado na rua Lobo D’Almada, quando foi sequestrada. O corpo da jovem foi encontrado minutos depois atrás do Colégio Militar com ao menos cinco tiros na cabeça, um na mão direita e outro no braço esquerdo.

Peritos do Departamento de Polícia Técnico-Científica do Amazonas (DPTC-AM), estiveram no local e informaram que a vítima já tinha passagem pela polícia por tráfico de drogas.

Uma amiga da vítima, testemunhou o momento do sequestro. Ela informou aos policiais do que elas estavam esperando clientes, por volta das 22h30, quando três homens obrigaram a jovem a entrar no veículo. A testemunha não conseguiu ver em qual carro os assassinos fugiram, mas acredita que o crime tenha relação com uma denúncia de estupro feita pela amiga. E para não ser descoberto o estuprador ordenou o crime. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) informou que não tem conhecimento sobre o ocorrido e a relação entre a mulher assassinada e a vítima do suposto abuso sexual e por isso abriu um procedimento para investigá-lo.

Fonte: Expresso AM