Manaus – Na noite desta terça-feira (4), uma cobradora de ônibus foi agredida fisicamente pelo parceiro de trabalho durante uma desavença. O caso ocorreu no terminal da linha 500, da empresa Eucatur, no Igarapé do Passarinho, conjunto Galileia, zona Norte da capital amazonense.

Foto: Reprodução

A discussão iniciou quando um idoso estava no transporte coletivo carregando uma máquina de cortar capim e pediu para descer num ponto pela porta de trás. A cobradora solicitou ao motorista pra que abrisse tal porta, mas ele ignorou e só atendeu ao pedido no ponto seguinte.

Chegando ao final da linha, a mulher questionou o colega sobre isso, e acabou sendo agredida com dois tapas na cara e um apertão no braço. Traumatizada, a vítima foi amparada por colegas no local.

O caso foi registrado no 6° Distrito Integrado de Polícia (DIP). O homem deve responder pela agressão.