Manaus – Na manhã desta quinta-feira (08), a Polícia Federal com apoio do Ministério Público Feral e da Controladoria-Geral da União, efetuam a segunda fase da Operação Sangria, que têm o objetivo de prender 9 pessoas, por cinco dias. Outras 6 pessoas serão investigadas e terão as casas sendo alvo de buscas e apreensões.  

A operação é destinada a investigar o superfaturamento e desvio de dinheiro público na aquisição de respiradores durante o pico da pandemia de Covid-19.

Nomes como  Rodrigo Tobias, Daniela Assayag e o marido  dela, Luiz Carlos Avelino Júnior, estão sendo investigados na operação.

Veja a nota oficial da Polícia Federal clicando AQUI.