O Ministério Público do Amazonas (MPAM), por intermédio da 16ª Promotoria de Justiça com atuação na 2ª Vara do Tribunal do Júri (16ª PJ), realizou, na manhã desta quarta-feira (11), o cumprimento de mandados de busca e apreensão com o objetivo de reforçar as investigações da morte do engenheiro Flávio Rodrigues dos Santos, fato ocorrido na noite do dia 29 de setembro de 2019.

Os mandados foram cumpridos em residências de duas pessoas ligadas a Alejandro Molina Valeiko. Ao cumprir mandado de busca e apreensão na residência de Paola Valeiko, irmã de Alejandro, na manhã desta quarta-feira, o Ministério Público do Amazonas encontrou no local grande quantidade de dinheiro em espécie. Segundo informações de familiares os valores seriam da despesa pessoal da família.

Até o momento, o MP não informou quanto foi apreendido.

As investigações estão sob responsabilidade dos Promotores de Justiça Igor Starling, titular da 16ª PJ, Armando Gurgel e Edinaldo Medeiros, designados pela Procuradora-Geral de Justiça para atuarem no caso. Os mandados foram expedidos pela Justiça do Amazonas, através da Central de Mandados.

veja a coletiva: 

Ministério Público fala sobre busca e apreensão na casa de pessoas ligadas a Alejandro Valeiko

Posted by CM7 noticias on Wednesday, December 11, 2019