Cantor de forró e estuprador de porco, já responde por crime “porte ilegal de arma”, veja
Manaus - Amazonas - 05:55
19 de Julho de 2019

C/S PI 5577 - EFTIVAÇÃO DE MIDIA/BANNER / CAMPANHA NOVAS MEDIDAS - FASE I / SECOM / PORTAL CM7


Cantor de forró e estuprador de porco, já responde por crime “porte ilegal de arma”, veja


O vocalista da banda Forró na Pegada, Gabriel Tavares Lopes, conhecido como Biell Loop, denunciado na madrugada da terça-feira(05), pela deputada Joana Darc (PR), pelo corime de maus tratosa um porco, já tem outro problema com a justiça.

Em janeiro de 2017 ele foi preso em flagrante por policiais militares das Rondas Ostensivas Cândido Mariano (ROCAM), de posse de uma pistola calibre 380 e responde ao processo na 10ª Vara Criminal.

De acordo com os autos do processo, no dia 20 de janeiro de 2017, os policiais faziam patrulhamento na rua Ibirapuera, conjunto Cophasa, Nova Esperança, Zona Oeste de Manaus, quando prenderam Gabriel Tavares.

A pistola apreendida dentro do guarda-roupa da casa de Gabriel Lopes, que ele disse em depoimento ter comprado pelo valor de R$ 2 mil de um pedreiro, pertencia ao policial militar Isac Vidal dos Santos.

De acordo com Boletim de Ocorrência registrado no 12ºDIP, o PM esqueceu a arma em cima di capô de seu veículo dia 26 de outubro de 2015 e quando trafegava em uma vida no bairro de Santo Antônio, a arma caiu e um motoqueiro pegou.

E foi justamente em 2015 que Gabriel Tavares disse ter comprado a pistola de um pedreiro identificado apenas POR “Gustavo”, que ele garantiu ter morrido.

 

Veja o vídeo onde mostra o cantor, estuprando o porco

Leia mais:

https://portalcm7.com/noticias/escandalo-cantor-amazonense-biell-loop-e-denunciado-por-fazer-sexo-com-porco-veja-o-video/

Fonte: Fato Amazônico

Deixe seu like:

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA