Manaus – Vinte e uma aves silvestres, gaiolas e armadilhas foram apreendidas nesta quarta-feira (16) em uma casa no bairro Petrópolis, Zona Sul de Manaus. De acordo com a polícia, o criador das aves – de 56 anos – não tinha licença para criar todos os animais e foi detido.

Equipes do Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAmb) localizaram os animais após uma denúncia de que havia um criadouro de aves clandestino. O proprietário da residência foi questionado sobre a origem e o destino das aves.

“Solicitamos do cidadão a documentação do órgão ambiental competente, no caso o Ibama, que expede essa licença para que ele possa ter uma criação. Nós percebemos que a quantidade [de aves] não estava batendo com o documento que ele apresentou. Além disso, nós conseguimos identificar que alguns pássaros não tinham a anilha que é expedida pelo órgão ambiental”, explicou o tenente Tiago Ribeiro.

As aves – entre curiós, rolinhas e canários – foram apreendidas e o proprietário da casa foi detido. A titular da Delegais Especializada em Meio Ambiente (Dema), Carla Biaggi, afirmou que o homem irá prestar esclarecimentos na unidade e deve assinar um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por criação ilegal de animal silvestre.

Após os procedimentos na delegacia, as aves devem ser encaminhadas para o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Humanos (Ibama).

Fonte G1