Um advogado foi assassinado a tiros na cidade de Juara, a 690 km de Cuiabá. Segundo a Polícia Civil, Milton Queiroz Lopes, de 51 anos, foi baleado dentro do escritório dele e morreu enquanto tentava fugir em direção à rua.

O crime ocorreu às 8h (horário de Mato Grosso) na Rua Belo Horizonte, Centro da cidade. Milton, que estava sentado na mesa do escritório, foi baleado no rosto.

Os dois suspeitos, que não tiveram o nome divulgado, foram presos por policiais militares da Força Tática ainda na região de Juara. A arma que teria sido usada no crime foi apreendida.

Por nota, a Ordem dos Advogados do Brasil em Mato Grosso (OAB) lamenta a morte do advogado e diz que o caso está sendo acompanhando pelo presidente da OAB Juara, Ghyslen Lehnen, que acionou as equipes de saúde e da Polícia Militar para as primeiras providências.

Eles estão sendo encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Juara, onde a OAB fará todo o acompanhamento do inquérito até a conclusão do caso.