CM7

 
Manaus, 23 de outubro
Mercado financeiro
Dólar
Euro
 
 
Home / O Amazonas é 12º estado de violência contra Mulher. Temos que mudar esse ranking vergonhoso para o nosso estado.

O Amazonas é 12º estado de violência contra Mulher. Temos que mudar esse ranking vergonhoso para o nosso estado.

Da redação | 29/05/2016 20:47

Todos os dias, as delegacias do Amazonas registram-se casos e mais casos de violência contra a Mulher. São maridos agressores e assassinos, namorados ciumentos, adolescentes espancadas e estupradas pelos padrastos e meninas entre 11 e 16 anos sendo joguete nas mãos dos pedófilos da alta sociedade Manauara. 
Estamos diante de um Estado que não coíbe a prostituição de menores nas cidades do interior, uma lei que não chega aos senhores empresários que violentam estas meninas e que ficam caladas com medo de represália. 


Muitas mulheres da alta sociedade são violentamente espancadas pelos maridos, mas não entram nessas estatísticas porque não denunciam e jamais chegaram perto de uma delegacia da mulher para denunciar seus agressores, porque seus ricos maridos bancam a luxúria e a vaidade das colunas sociais de aparência e glamour. Então, preferem manter as aparências, a denunciar quem sustenta seu luxo. 
Essa semana o Portal CM7 publicou reportagem do marido que deu três tiros na esposa no bairro da Compensa. Na semana anterior, outro marido matou a esposa dentro da Lan Houser e está foragido. Em menos de 15 dias, 10 casos de morte e agressão à esposa, todos por motivos de ciúmes.


Ninguém fez movimento para esses casos brutais em Manaus, todos calados. Há alguns dias atrás outro caso que chocou o Brasil, desta vez no Rio de Janeiro, onde uma adolescente (16 anos), foi violentada e estuprada por 33 homens (monstros), e sua imagem exposta nas redes sociais.
E quantas outras mulheres que foram mortas e espancadas pelos companheiros, e que estavam trabalhando ou em casa cuidando de seus filhos, e não mereciam tamanha brutalidade, mesmo assim estão nas estatísticas da violência contra a mulher e sem destaque algum para o que vivem diariamente. 
Mas pergunto aos internautas e meus seguidores, e o caso das mulheres violentadas e mortas em Manaus? Por que ninguém fala nada? Qual a diferença do caso da menina do Rio de janeiro para as meninas do Amazonas?  Eu digo: A MÍDIA nacional que tomou a frente e repercutiu o caso, representando a indignação de milhares de mulheres. Até o presidente falou em defesa dessa menor. 
E as tantas mulheres e meninas violentadas no Amazonas, nos lugares mais distantes que ninguém sabe, ninguém vê, ninguém comenta. Casos em que os políticos pedófilos ficam com crianças de 10 e 11 anos e ninguém considera como estupro.  
Os políticos no Amazonas deveriam aprovar leis que pudessem coibir tamanha violência. As mulheres do Amazonas pedem socorro!
A maior violência contra a Mulher é o silêncio diante dos inúmeros casos diários de violência contra a mulher. 
O Amazonas é 12º estado de violência contra Mulher. Temos que mudar esse ranking vergonhoso para o nosso estado.

Eu não defendo a bandeira feminista, defendo a MULHER

Cileide Moussallem 

Voltar Avançar
Anuncie em Nossas Pesquisas
Anuncie em Nossas Pesquisas

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA