De acordo com o chefe da Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA), Alexandre de Juniac, a volta do sistema aéreo nacional pode retornar em junho e os internacionais no mês de julho, assim como os vôos intercontinentais só serão retomados no último trimestre de 2020, com novas restrições e atribuições para a prevenção da Covid-19.

Juniac reforça que a decisão só está em análise porque o departamento aéreo é um dos mais prejudicados pela pandemia do novo corona vírus que automaticamente prejudica a economia mundial.

A IATA está trabalhando diretamente com a Organização Mundial de Saúde (OMS) assim como às instituições de todo o planeta para evitar novas contaminações através de um controle sanitário para os passageiros.