O ex-presidente do Peru, Alan García, morreu aos 69 anos depois de atirar contra a própria cabeça na manhã desta quarta-feira, 17. O político cometeu suicídio depois que policiais chegaram em sua residência para executar o mandado de prisão preventiva expedido pela justiça peruana. Ele era investigado por corrupção envolvendo obras da construtora brasileira Odebrecht.

Imagem Forte