Submarino na Indonésia é encontrado com todos os 53 tripulantes mortos

Por Caxias em 25 de abril de 2021 às 9:52 | Atualizado 25 de abril de 2021 às 9:53

Oficiais do exército e da marinha da Indonésia afirmaram neste domingo (25) que encontraram o submarino que estava desaparecido desde a última 4ª feira (21). Todos os 53 tripulantes do KRI Nanggala-402 morreram.

“O KRI Nanggala ficou dividido em 3 partes. O casco, a popa e as partes principais estão todas separadas, com rachaduras”, disse o chefe do Estado-Maior da Marinha, Yudo Margono.

A hipótese do submarino ter rachado já havia sido levantada no sábado (24.abr), quando equipes de busca encontraram objetos, como fragmentos de um tapete de oração e uma garrafa de lubrificante para periscópio. A equipe também detectou um objeto semelhante a um submarino.

Margono detalhou que o submarino deve ter rachado gradualmente, na medida em que foi afundando. O processo teria começado quando ele estava em uma profundidade de 300 a 500 metros. A estrutura do veículo é feita para suportar a pressão da água até afundar 200 metros; depois disso, ele corre o risco de colapsar.

Logo depois do desaparecimento, Margono anunciou que o KRI Nanggala-402 só tinha reservas de oxigênio por 72 horas, prazo que se esgotou no sábado (24.abr).

O presidente do país, Joko Widodo, lamentou as mortes.

“Todos nós, indonésios, expressamos nossa profunda tristeza por essa tragédia, especialmente para as famílias da tripulação do submarino”, declarou a jornalistas.

O submarino realizava manobras de treinamento nas águas ao norte da ilha de Bali na 4ª feira (21) quando perdeu contato após receber autorização para mergulhar.

A Indonésia é o maior arquipélago do mundo, formado por mais de 17.000 ilhas. Bali é uma ilha e província do país.

Segundo Margono e Hadi Tjahjanto, chefe militar da Indonésia, os destroços estavam localizados no fundo do mar perto da ilha de Bali.

A Marinha do país afirmou o submarino pode ter perdido o controle depois de um possível apagão de energia durante o mergulho estático. Esse apagão teria feito com que o submarino não fosse capaz de realizar procedimentos de emergência.

Segundo as autoridades, equipes de resgate encontraram um vazamento de óleo perto do local onde a embarcação submergiu, o que corrobora a tese de que o submarino enfrentou problemas técnicos.

O KRI Nanggala-402 pesava 1.395 toneladas e foi construído na Alemanha em 1977. Ele foi incorporado à frota indonésia em 1981 e passou por uma reforma de 2 anos, na Coreia do Sul, que foi concluída em 2012.

Fonte: Poder 360

Deixe seu comentário