Irã – Na manhã desta quarta-feira, uma menina de 13 anos, identificada como Romina Ashrafi, teve a cabeça decapitada pelo próprio pai, após fugir com um homem de 35 anos por quem estava apaixonada e que teria relações sexuais. O crime aconteceu no país Irã, localizado na Ásia Ocidental.

Na ocasião, os pais da menina denunciaram a fuga às autoridades policiais do país. Em seguida, o casal foi localizado e a menina foi encaminhada novamente a sua casa, o que ocasionou a morte dela. No país, tal atitude é considerada um crime de honra à família.

O pai de Romina se entregou a polícia, ainda com sangue nas mãos e nas roupas, após realizar o crime. Ele ficou sob custódia das autoridades para os procedimentos cabíveis e uma investigação do crime está sendo feita.