Em entrevista coletiva no encerramento do G7, Emmanuel Macron foi perguntado sobre a possibilidade de a Amazônia receber um “status internacional”.

O presidente da França disse o seguinte:

“Associações, ONGs e atores internacionais, já há vários anos, inclusive alguns atores jurídicos internacionais, levantaram a questão para saber se podemos definir um status internacional da Amazônia. Isso não está na discussão das iniciativas apresentadas hoje, mas é realmente uma questão que se coloca: e se um Estado soberano tomasse de maneira clara e concreta medidas que se opõem ao interesse de todo o planeta? Então, aí haveria todo um trabalho jurídico e político a ser feito.”

Macron disse também:

“Ele [Jair Bolsonaro] deseja ser respeitado como ator nesse jogo, mas acredito que ele  tenha consciência desse tema. Eu prefiro ter essa esperança. Não é hoje que vamos decidir nada sobre isso, mas é um tema que permanece aberto e continuará a prosperar, nos próximos meses e anos.”

O francês ainda afirmou que a importância da Amazônia “é tão grande na questão climática que não se pode dizer que ‘é apenas o meu problema’”.

Fonte:  O Antagonista ….. https://www.oantagonista.com