Enviado de Biden, Kerry diz que ‘Amazônia vai desaparecer’ se EUA não negociarem com o Brasil

Por Meriane Jeffreys em 13 de maio de 2021 às 7:38 | Atualizado 13 de maio de 2021 às 7:44

Em um depoimento de prestação de contas na Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Estados Unidos desta quarta (12), John Kerry, Enviado Especial Climático do governo Joe Biden, defendeu a necessidade de negociar acordos climáticos com o governo Jair Bolsonaro, sob o risco de que a Amazônia pode “desapareça”.

“Estamos dispostos a falar com eles (governo Bolsonaro), mas não estamos fazendo isso com uma venda nos olhos, e sim com uma compreensão de onde estivemos (no debate ambiental recente). Mas se não falarmos com eles, pode ter certeza de que aquela floresta vai desaparecer”, afirmou o enviado especial, referindo-se à Amazônia. O governo deve se manifestar nas próximas horas a respeito da observação.

 Com informações de BBC News