Brasil – O Cloudflare, servidor que hospeda milhões de sites ao redor do mundo, ficou fora do ar nesta terça-feira (2), prejudicando páginas como Canva, Udemy e Discord, por exemplo — mais de 16 milhões aplicativos da Internet e APIs usam o sistema, de acordo com o site da empresa. Em nota divulgada no Cloudflare Status, os problemas na rede começaram às 10h52 (horário de Brasília) e estão sendo investigados. “O Cloudflare está observando problemas de desempenho de rede. Os clientes podem estar enfrentando erros 502 ao acessar sites no Cloudflare. Estamos trabalhando para mitigar o impacto para os usuários da Internet nessa região”, diz o comunicado. Por volta das 11h15, a empresa incluiu uma nova mensagem em seu site, dizendo ter corrigido o problema — veja atualização no fim da matéria.

O erro que aparece ao tentar acessar os sites é “502 Bad Gateway”, que significa algo como “porta de entrada ruim”, em livre tradução. Quando o usuário acessa um site, o navegador envia uma solicitação para o servidor em que a página está hospedada. Neste tipo de falha, o servidor aceita a requisição, mas não é capaz de concluí-la. Cada erro tem um número que determina sua origem.

O site de Status do Cloudflare também informa os locais que são afetados pela instabilidade. No Brasil, o problema acontece no Rio de Janeiro. Outros países como Índia, Filipinas, Sérvia, Paquistão e Iraque também sofrem com o erro no servidor.

A Cloudflare é uma empresa de desempenho e segurança da Internet criada em 2009. Em maio de 2019, a companhia anunciou que presta seus serviços para “mais de 16 milhões de domínios, sites, APIs, aplicativos móveis e qualquer coisa conectada à Internet” além de 175 datacenters em mais de 75 países, com capacidade de rede para 30Tbps.

UPDATE: Às 11h15 a Cloudflare incluiu um novo status em seu site, informando ter corrigido o problema. “A Cloudflare implementou uma correção para esse problema e está monitorando os resultados no momento.”

Às 11h50, a empresa informou que a falha foi global e durou cerca de meia-hora. “A grande interrupção afetou todos os serviços da Cloudflare globalmente. Nós vimos um pico enorme na CPU que fez com que sistemas primários e secundários caíssem. Fechamos o processo que estava causando o pico da CPU. Serviço restaurado ao normal dentro de 30 minutos. Agora estamos investigando a causa raiz do que aconteceu.”

Via Cloudflare