Governo do Amazonas afirma que já tem vacina para todos os idosos acima dos 75 anos

Por Redação Lima em 25 de janeiro de 2021 às 18:21 | Atualizado 25 de janeiro de 2021 às 18:21

O Governo do Amazonas recebeu, do Governo Federal, na madrugada de domingo (24/01), o total de 132.500 doses da vacina AstraZeneca. Com a nova remessa, será possível chegar a 74,45% dos trabalhadores da saúde vacinados, além de 100% dos idosos acima de 75 anos que moram no Amazonas.  Por recomendação do Ministério da Saúde, as doses de AstraZeneca irão atender 35% de trabalhadores de saúde; 100% de idosos acima de 75 anos; e 37% de idosos entre 70 e 74 anos.

Os idosos entre 70 e 74 anos que receberão as vacinas são os considerados pacientes com maior risco de agravamento e óbito (acamados, pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica, pacientes com insuficiência renal crônica, pacientes com diabetes insulino dependentes, obesidade com IMC acima de 40, e pacientes transplantados e imunossuprimidos).

Dos grupos prioritários a receber a AstraZeneca, há um total de 30.820 trabalhadores em saúde, que se encontram entre os grupos mais expostos ao vírus; 74.743 idosos acima de 75 anos; e 20.308 idosos entre 70 e 74 anos, o que corresponde a 37% dessa população. Além disso, há um total de 6.294 doses referentes à reserva técnica de vacinas, que são aquelas enviadas por segurança, levando em conta a possibilidade de perdas e danos ao imunizante por mau acondicionamento, quebra do vidro da embalagem etc.

Com a AstraZeneca, serão vacinados 30.820 trabalhadores. A soma das vacinas Coronavac e AstraZeneca chega a 64.331 trabalhadores, que representam 74,45% dos profissionais de saúde. As duas vacinas são aplicadas em duas doses. A Coronavac, com uma diferença de 28 dias entre a primeira e a segunda dose, razão pela qual os municípios receberam as duas doses juntas.

 

Deixe seu comentário