Manaus (AM) – O ex-candidato a vereador, Alex Aguiar (PV) e sócio da empresa Pontual Construtora e Locação, preso pela Polícia Federal (PF) na tarde deste domingo (29) no bairro Colônia Antônio Aleixo, zona leste de Manaus, é sobrinho de Maurício Aguiar. A família é aliada do  do senador Eduardo Braga.

Com ele foi apreendido a quantia de R$300 mil, que supostamente seria para comprar votos para o candidato a prefeito de Manaus, Amazonino Mendes (PODEMOS). Alex recentemente, no dia 9 de novembro, foi denunciado no dia  também por compra de votos.

A polícia Federal também já foi acionada para investigar as denúncia do suposto envolvimento de Alex Erasmo Aguiar com o tráfico de drogas com fins eleitorais.