Escola de Samba A Grande Família comemora 33 anos de história - Portal CM7 - Notícias de Manaus e Amazonas
Manaus - Amazonas - 21:49
21 de Maio de 2019



Escola de Samba A Grande Família comemora 33 anos de história


O Grêmio Recreativo Cultural Escola de Samba A Grande Família, fundado em 19/03/1986, é uma das mais tradicionais escolas de samba da cidade de Manaus, estando localizada na Rua Careiro, s/n, no Bairro São José I. Tem como símbolo um Galo e as cores de seu pavilhão são o vermelho e o branco.

Um detalhe curioso é que o seu fundador, Jorge Walter Barroso, o Jorginho, entrou um tanto quanto por acaso no samba: certa vez o pneu do seu carro furou próximo a um antigo bar e bloco da Praça 14 de Janeiro, conhecido como reduto de sambistas, chamado ‘Jaqueirão”. Jorge foi ao borracheiro e logo depois ao Jaqueirão descansar.

Depois de algumas conversas com o pessoal do Jaqueirão, Jorge acabou gostando de samba e depois mais alguns sábados frequentando este reduto, levou a ideia para a Zona Leste, lugar até então carente de sambistas para tentar a fundação de uma agremiação carnavalesca.

Com o apoio e a experiência de Gilberto, um dos idealizadores de grupos folclóricos da Praça 14 e que também já participava ativamente do G.R.E.S. Vitória Régia, aliado a determinação de Jorginho, conseguiram unir; guerreiros do samba, do folclore e principalmente a sua comunidade para a fundação do Bloco ‘A Grande Família’ junto com os amigos: João Hildo, Cabeludo, Gilberto, Dona Ermozinda, Dona Nêga, Reginaldo, Louro, Paraguai, Reginaldo, Patinha, Careca, “Porquinha”, Dona Elcy, Julinho, entre outros.

A Grande Família, que até 1991 era um Bloco, entrou com mais destaque no Carnaval de Manaus em 1994, quando foi convidada pela Associação do Grupo Especial das Escolas de Samba de Manaus (AGEESMA) a abrir o carnaval do Grupo Especial, e em 1995, oficialmente estreava no Grupo Especial das Escolas de Samba de Manaus.

Em 2016 a escola refez o pedido de “Paz no Trânsito” na Avenida, já na gestão do saudoso Luizinho Andrade. Este enredo já havia sido apresentado em 2006, mas um acidente causado por uma colisão de um carro alegórico de outra escola (Vitória Régia) com um fio de alta tensão, logo houve total apagão no Sambódromo de Manaus quando a escola apenas iniciava seu desfile, talvez, por tudo o que aconteceu antes e durante a sua apresentação, é um dos mais lembrados e emocionantes de toda a sua história.

Destacam-se entre suas principais conquistas, 6 títulos no Grupo Especial e 4 vice-campeonatos. Com exceção do título de 2014 (onde todas as 8 escolas foram campeãs), todas as suas grandes conquistas são da década passada onde a agremiação dominou o carnaval amazonense.

A Escola que antes era lembrada de ‘A Gigante da Zona Leste’, hoje ela deve ser chamada como ‘Gigante do Carnaval Amazonense’ por toda as suas conquistas, tradição e importância para a nossa cultura… Parabéns a essa Escola de Samba, parabéns comunidade, o nosso carnaval agradece.

Texto: Iomar Japonês

Fotos: Amigos do Carnaval de Manaus

Deixe seu like:

FAÇA SEU COMENTÁRIO SOBRE ESTA NOTÍCIA