Eduardo Braga é o grande culpado por conta de luz ser caríssima no Amazonas

Por Redação Lima em 27 de novembro de 2020 às 14:16 | Atualizado 27 de novembro de 2020 às 14:29

Amazonas – Eduardo Braga (PMDB), no ano de 2015, foi responsável pelo reajuste da tarifa de energia elétrica em mais de 66%, enquanto assumiu o cargo de Ministro de Minas e Energia. Em um período de um ano foram mais três aumentos, e chegou a representar um valor 6 vezes maior que a inflação.

Na ocasião, tanto Eduardo Braga, quanto o diretor Romeu Rufino foram intimados a prestar esclarecimento acerca do reajuste abusivo, que no ano ocorreu em uma sequência. Em apenas um ano foram 3 reajustes, ocasionando um prejuízo incalculável aos cidadãos amazonenses.

A medida foi responsável por ásperas divergências e protestos, uma vez que atingiria cerca de 900 mil consumidores, o que tornou-se reprovável pela Aneel.

Em 2015, os manauaras já encaravam os abusivos reajustes do IPTU feitos pela gestão de Amazonino, durante seu governo municipal (2009 – 2012), que chegou até 350% de aumento.

Fonte: Tribuna do Amazonas

 

 

 

 

Deixe seu comentário