Amazonas – Os 17 partidos que são representados na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), tem 24 horas para entregar as indicações dos membros da comissão que vai analisar o pedido de impeachment do atual governador Wilson Lima e o vice-governador Carlos Almeida. A decisão foi divulgada na tarde desta terça-feira (7), durante sessão ordinária da Aleam, que foi presidida pelo Deputado Josué Neto, que não fará parte da comissão por uma questão institucional.

Contudo a responsabilidade cai sobre os 17 partidos políticos representados respectivamente pelos deputados que tem assento na casa legislativa.  Josué Neto encerrou a sessão salientando que será somente ouvinte nesse processo de impeachment.

Todavia os deputados decidiram se reunir amanha as 9h para iniciar os trabalhos e em seguida, devem fazer suas indicações para a composição da comissão que deve ter sua primeira reunião nesta quarta-feira (8).

O pedido de impeachment do atual governo enfrentou uma serie de resistências, inclusive dos magistrados do  amazonas, que uma hora dizia que era anticonstitucional e outra hora constitucional, rendendo até suspensão do processo.  Mas, os deputados decidiram dá continuidade ao processo depois de várias revelações feitas através da Comissão Parlamentar de Inquérito que investiga contratos e diversas denúncias contra o atual governo.