Amazonas – Ao todo foram presos provisoriamente  na operação ‘Sangria’ deflagrada na manhã desta terça – feira (30) 8 pessoas entre elas: Simone Araújo de Oliveira Papaiz, secretária estadual de Saúde; João Paulo Marques dos Santos (JP), secretário-adjunto de Saúde;  Perseverando da Trindade Garcia Filho, ex-secretário executivo adjunto de Saúde;  Alcineide Figueiredo Pinheiro, ex-gerente de compras da secretaria de Saúde;  Fábio José Antunes Passos, proprietário da empresa FJAP & Cia, que vendeu os respiradores para a Susam;  Cristiano da Silva Cordeiro, empresário, ex-implicado na Operação Saúva e que emprestou o dinheiro para a operação e dono do supermercado ‘Big Amigão’, Luciane Zuffo Vargas de Andrade, dona da empresa Sonoar, que comprou e revendeu os respiradores para a FJAP e Renata de Cássia Dias Mansur Silva, sócia da Sonoar.

Algumas dessas pessoas já foram ouvidas pela Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas e um desdobramento de investigações da Policia Federal com o objetivo de desvendar desvios milionários na área da saúde no Estado do Amazonas.

Polícia Federal e os órgãos de controle federal devem continuar as investigações até que seja solucionado esse crime. Os presos foram encaminhados para a Sede da Policia Federal, localizada no bairro Dom Pedro, onde serão interrogados e ficaram a disposição da justiça.

Tags: , , , , , ,